Contato e Localização (31) 3261.4515 | 3588.1155 | 3166.6858    (31) 98508.5000  (31) 99750.1155

Depoimentos

Ana Paula: 1 ano com o balão

Paciente completa 1 ano de tratamento contra a obesidade com a ajuda do Balão Intragástrico e agradece pelo apoio e ajuda da equipe da Clínica Sander neste processo, em depoimento.
Sou Ana Paula Binotto, no último sábado fez 1 ano que coloquei meu balão, “saudoso balão “. Quando defini a opção de colocá-lo decidi e pronto, recebi ótimas indicações da Clínica Sander e acreditei que esse método salvaria a minha vida e resolveria todos os meus problemas. Mais do que isso, que sairia da clínica linda, magra e muito gostosa (rs). Resolvi escrever esse depoimento um ano depois do início do meu tratamento, porque quero que saibam o que o balão realmente foi, é, e sempre será. No dia que resolvi colocá-lo foi no final de Maio de 2014 e eu pesava exatamente 98,1 kg. Depois de todas as tentativas, idas e vindas de peso, visualizei no balão algo voltado para mim e com a minha cara. Uma amiga que indicou perdeu 10 quilos em 1 mês. No dia da primeira visita ao médico, enquanto aguardava na sala de espera, um rapaz com 30 dias contou que perdeu 12 quilos.

Tirei meu balão no dia 15 de janeiro deste ano, não sai magra, não emagreci tudo que minhas expectativas esperavam, não perdi os 25 quilos esperados, não era aquele sonho de emagrecer sem esforço. Mas, o balão foi muito mais. Na retirada dele saí da clínica com 83,5 kg, sendo que minha meta eram 76 kg. E agora? Acho que todo mundo pensa isso. Aprendi muito com balão, a ser regrada, comer pouco de tempo em tempo, almoçar apenas 300 gramas (quando almoço muito), que pra sempre poderei comer de tudo sem medo de voltar a engordar, porque aprendi sobre as reais necessidades do meu corpo.
E é isso que gostaria de deixar para vocês, sei que muitas e muitas pessoas passam pelo do Dr. Bruno Sander e que muitas encontram ou não o sucesso. Eu encontrei o conhecimento e ainda terei o sucesso. Hoje, com meus 77 kg, ainda estou na luta do quilo final, mas venho por meio deste depoimento agradecer ao Dr. Bruno e a toda sua equipe, Amanda, Sofia e as demais, por tudo e pelas conversas e dicas.

 

Bancária supera suas expectativas com o tratamento do Balão Intragástrico

Paciente pretendia perder 15 kg e seis meses após o tratamento consegue eliminar 19 kg com o uso do Balão Intragástrico

A gerente bancária Claudine de Castro Bernardes, de 48 anos, é dona de mais uma história de motivação e sucesso para quem busca acabar com o sobrepeso. Casada e mãe de dois filhos, ela é moradora de Lagoa da Prata, em Minas Gerais e há pouco mais de um ano decidiu dar uma guinada na sua vida e vencer a obesidade.

Em novembro de 2012, a bancária pesava 82 kg e estava disposta a perder 15 kg, quando optou pelo método do Balão Intragástrico. Seis meses depois, Claudine estava 19 kg mais magra, pesando apenas 63 kg. “O balão mudou tudo na minha vida. Depois do tratamento voltei a ter mais dinamismo no trabalho, vigor, autoestima e hoje sou muito mais feliz”, contou.

Ela confessa que o tratamento não foi fácil, mas que graças ao apoio que recebeu da equipe da clínica em que fez o tratamento, conseguiu alcançar seu objetivo. “Passei mal durante os seis meses, mas toda vez que eu pensava em desistir, os profissionais da Clínica Sander me incentivavam a continuar”.

Claudine conta que sempre teve que controlar o ganho de peso, mas que após o tratamento ela mudou os seus hábitos alimentares e hoje adota uma alimentação saudável e bastante controlada. “O meu resultado foi tão explícito que já indiquei o tratamento para mais de 30 pessoas da minha cidade”.

 

Paciente perde 26 quilos com o uso do balão intragástrico

Mesmo depois de retirar o balão, dona de casa engravida e volta ao mesmo peso em apenas 20 dias, graças à reeducação alimentar e mudança de hábitos que conseguiu com o auxílio do balão intragástrico.

Há exatamente dois anos, a dona de casa Lorenza Maria Silva de Pinho, de 34 anos, dava início a uma nova fase da sua vida. Em dezembro de 2011, ela pesava 78kg e depois de tentar várias dietas, optou pelo método do balão intragástrico para conseguir emagrecer, após assistir uma entrevista do médico Bruno Sander sobre o assunto.

Em apenas cinco meses, a dona de casa alcançou seu objetivo com o tratamento e em abril de 2012, retirou o balão pesando 26kg a menos. “Não tive nenhum mal estar ou dificuldade de adaptação com o balão. Além disso, a atenção que recebi durante todo o meu tratamento, pela equipe da clínica, foi fundamental para alcançar esse resultado”, garantiu.

Lorenza conta que desde o início da terapia, buscou fazer um acompanhamento nutricional e psicológico, além de inserir a prática de atividade física na sua rotina. “Depois de colocar o balão, passei a fazer esportes quatro vezes por semana e ainda hoje pratico musculação e treino aeróbico”.

Exemplo de força de vontade e determinação

Quando optou pelo tratamento a paciente já era mãe de três filhos e depois de retirar o balão ela teve uma nova gestação. Mas, a sua reeducação alimentar foi tão bem sucedida que durante a gravidez a dona de casa ganhou apenas 8 kg e 20 dias depois de ganhar o bebê já tinha voltado ao peso atual, 52kg.
“Indico o tratamento para todas as pessoas que precisam perder peso e possuem alguma dificuldade para isso. Sinto-me melhor e mais feliz, hoje, com 34 anos, do que quando tinha 20”, afirmou.

 

Paciente elimina 30kg com a ajuda do Balão Intragástrico

No último mês, o cozinheiro e churrasqueiro Jacksander Neves de Araújo, de 42 nos, finalizou com sucesso o seu tratamento para a obesidade com o uso do Balão Intragástrico. Em fevereiro desse ano, ele adotou o método pesando 156,7kg e após seis meses conseguiu eliminar 30kg. “Estou muito feliz com o resultado, mas ainda pretendo eliminar mais 10kg”, contou.

Ele conta que não teve dificuldades para se adaptar ao tratamento e que para alcançar esse resultado, desde o início fez um acompanhamento nutricional e começou a praticar caminhada e andar de bicicleta, mudando assim, seus hábitos e mantendo-os ainda hoje.

Antes de adotar o método, o cozinheiro já apresentava problemas de saúde por causa da obesidade. “Eu sentia muito cansaço, dificuldade para andar e dor nas pernas e por esses motivos percebi que era hora de buscar ajuda para voltar a viver com mais saúde e qualidade”.

Para isso, ele contou com a ajuda da mãe que depois de pesquisar bastante conheceu o método e a Clínica Sander. “Sou muito grato a toda equipe da Clínica Sander pela atenção que recebi, fui muito bem tratado por todos”, declarou Jacksander.